“Mulher-Maravilha” e meus conflitos internos: admiração e decepção em proporções equivalentes

Ao subir os créditos de "Mulher-Maravilha" suspirei. Tirei os óculos 3D, esfreguei os olhos e, pressionando o alto do nariz, pensei em toda a expectativa que carregava até aquele momento. Enquanto assistia ao longa-metragem baseado na personagem da DC Comics, distribuído pela Warner Bros. Pictures, fui sentindo cada uma das minhas expectativas serem jogadas ao … Continue lendo “Mulher-Maravilha” e meus conflitos internos: admiração e decepção em proporções equivalentes