Prostituição: por que alguns feminismos seguem excluindo determinadas mulheres do movimento?

"Sim, queremos tudo, todos os direitos, e para ontem", reivindica Amara Moira, logo no prefácio de "Putafeminismo". Em números, o trabalho sexual no mundo ainda é incerto: estima-se que aproximadamente 42 milhões de pessoas exerçam a função, embora a estatística não distingua os profissionais das vítimas de exploração sexual, como pontua Monique Prada em seu … Continue lendo Prostituição: por que alguns feminismos seguem excluindo determinadas mulheres do movimento?

“Canção de ninar”: vencedora do prêmio Goncourt, Leïla Slimani inspira debate sobre maternidade

"Canção de ninar" é o segundo livro escrito pela franco-marroquina Leïla Slimani, uma das atrações da Flip deste ano. Graças a ele, a autora se tornou, aos 35 anos, a 12ª mulher a ganhar o Prêmio Goncourt, o reconhecimento literário mais tradicional da França que existe há 112 anos. Baseado em fatos reais, "Canção de ninar" … Continue lendo “Canção de ninar”: vencedora do prêmio Goncourt, Leïla Slimani inspira debate sobre maternidade

Primeira livraria especializada em autoras negras inaugura loja física em São Paulo

Neste sábado, 09 de dezembro, a bibliotecária Ketty Valencio inaugura a loja física da Livraria Africanidades, criada para ampliar o acesso à literatura feita por mulheres negras. Com uma proposta inédita no Brasil até então, a livraria conta com um acervo de 200 títulos difentes, dispostas estantes que carregam divisões como feminismo, ficção, não ficção, poesia, … Continue lendo Primeira livraria especializada em autoras negras inaugura loja física em São Paulo

“Má feminista”: a coragem de Roxane Gay de declarar-se uma ativista desastrosa

"Eu estou falhando como mulher. Eu estou falhando como feminista. Tenho opiniões apaixonadas sobre igualdade de gênero, mas me preocupo em aceitar livremente o rótulo de 'feminista'". É assim que Roxane Gay, escritora, blogueira e professora americana inicia seu discurso no TED em 2015 (vídeo no fim desta resenha) meses depois de concluir seu livro "Bad … Continue lendo “Má feminista”: a coragem de Roxane Gay de declarar-se uma ativista desastrosa

Paulina Chiziane, primeira moçambicana a publicar um romance, estará na Flipoços nesse fim de semana

Um homem moçambicano. Polígamo, como admite a cultura de seu país, mas que vive relacionamentos não oficiais por ser casado pela religião católica - uma herança não solicitada de uma colonização europeia. Esse é Tony, personagem do romance "Niketche", de Paulina Chiziane. Tony, no entanto, não é o personagem principal desta trama, mas Rami, sua … Continue lendo Paulina Chiziane, primeira moçambicana a publicar um romance, estará na Flipoços nesse fim de semana

A saborosa união de Literatura e Gastronomia: conheça a história de Denise Godinho, criadora do “Capitu vem para o jantar”

Em algum momento da vida, todo mundo passa por uma situação incrivelmente transformadora: é o famoso ponto de virada, marco definitivo que divide a vida e, depois dele, a história nunca mais permanece a mesma. O grande marco na vida de Denise Godinho aconteceu, como na maioria das vezes, quando ela menos esperava. Jornalista freelancer, dedicava-se a … Continue lendo A saborosa união de Literatura e Gastronomia: conheça a história de Denise Godinho, criadora do “Capitu vem para o jantar”